Em você vejo a vida despertar
num sonho encantado de criança,
oásis acolhendo a descansar
um andarilho em busca de esperança!

Em você vi o nascer da primavera
florindo o porvir de cada aurora,
a brisa a soprar nova quimera,
o abrigo que procuro a toda hora!

Em você vi um mundo infinito,
a luz do sol ardente a me dizer
que o amor é o sentimento mais bonito!

Em você vi surgir a madrugada,
o anseio irresponsável de querer,
o amante desejando sua amada!

 
     
 
 

 
 

Todos os Direitos Reservados

Formatado com autorizaçao do Autor

 
 
     

 

 

17/08/2007

Atualizada em 23/07/2010