Para visualizar em tela cheia, tecla F11

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Te quero linda,

mais uma vez ainda,

naquele doce rito

do nosso amor infinito

 

 

Te quero toda nua,

como a prateada lua,

bela, pura e inteira

como da vez primeira.

 

 

Te quero meiga

como se fosse leiga,

toda quente e feminina,

alegre como uma menina.

 

 

Te quero agora,

não sei até que hora,

mas prometo ser só seu

enquanto teu amor for meu.

 

 

Todos os Direitos Reservados

 

Respeite os

Direitos Autorais

Amor & Sonhos

 

30/01/2005

Atualizada em 23/07/2010

 

Música

Arranjo do Maestro

José Carlos Capeto