Quando nossas 

mentes se

encherem de paz, 

não haverá “nada”

que não possamos

compreender  

 

(Tsai Chih Chung)

 

 

 

 

 
 

03/08/2010