Valia a pena só por teu sorriso

Sofrer o que eu sofri? Não era ao certo

Um sinal de ventura, meio aberto

Apenas como foi, breve e indeciso

Não me dizia: - " Se te for preciso, 

Raio de sol serei no teu deserto."

Isto, ou então, dando o meu nome: " Alberto,

Olha, aqui tens a luz do Paraíso."

Era um sorriso desses que sentido 

Quase não têm, talvez,... Eu, entretanto, 

Por ainda uma vez to merecer.

Dera, que louco eu sou! Pudesse tanto! 

Dera contente os dias que hei vivido 

e os dias que me restam por viver.

 

 

Todos os Direitos Reservados

 

 

Respeite os

Direitos Autorais

Amor & Sonhos

 

 

Atualizada em 10/07/2010